Total de visualizações de página

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Veterano britânico dispensado a três dias de conseguir reforma completa

Um veterano de guerra britânico foi dispensado do serviço a três dias de ficar qualificado para a reforma completa.



O sargento Lee Nolan, de 43 anos de idade, tornou-se num dos 20 mil soldados que foram dispensados do serviço na sequência dos cortes orçamentais aplicados às forças militares do Reino Unido.

Tendo-se juntado ao exército aos 24 anos de idade, Nolan fez digressões na Bósnia e no Iraque mas em setembro passado foi dispensado da sua função.
A lei atual estipula que os militares com mais de 40 anos precisam de 18 anos de serviço para receber a reforma completa. Nolan tinha 17 anos e 362 dias de serviço quando foi dispensado, estava a três dias dos 18 anos.
Numa carta enviada a David Cameron, o militar escreveu que “os acontecimentos dos últimos doze meses deram uma volta” completa à sua vida e “mancharam por completo o leal serviço ao Reino Unido durante 18 anos”.
Juntamente com a carta, Lee Nolan entregou as seis medalhas que recebeu ao longo do serviço prestado.
Nolan recebeu uma indemnização de 93 mil libras (128 mil euros) e a partir dos 60 anos terá uma pensão anual de 5 mil libras (6.800 euros). Se tivesse chegado aos 18 anos de serviço, receberia uma indemnização de 188 mil libras (quase 259 mil euros).
 [Notícia corrigida às 20h45 - Ao contrário da informação veiculada inicialmente, o militar britânico Lee Nolan reformou-se a três dias de conseguir reforma completa. Lamentamos as imprecisões decorrentes das falhas na tradução do texto original]
Fonte: NM

Nenhum comentário: